Quer Aprender? Comece a Cantar!

blog_titulo_cantar

Se você é um intercambista que não canta no chuveiro, acho melhor começar a aquecer as cordas vocais. Segundo uma pesquisa realizada no ano assado pela psicolinguista portuguesa Fernanda Ferreira, cantar em um outro idioma ajuda e muito no aprendizado da língua.

Em um teste, foram selecionados ao acaso 66 adultos que foram submetidos a três métodos de aprendizados diferentes que consiste em escutar e repetir: Falar, falar com ritmo e cantar. A intensão era observar quais dos participantes aprenderia o idioma húngaro com maior facilidade. Após 15 minutos de teste os participantes que cantaram tiveram uma absorção muito maior de todo o conteúdo do que os participantes que falaram com ou sem ritmo.  Eles também foram capazes de repetir frases em húngaro com mais precisão e facilidade. As diferenças nos resultados não levam em conta fatores como idade, capacidade de memória fonológica, conhecimentos musicais, entre outros.

Com isso, fica comprovado que o método de escutar e cantar facilita a memória verbal para frases em outro idioma.

“Esse estudo nos dá a primeira evidência experimental de que um método de audição e repetição através da música pode favorecer o processo de aprendizagem de uma língua estrangeira, além de abrir as portas para os estudos nessa área. A questão é se a melodia pode servir como um empurrão para ativar a memória da pessoa, ajudando-a a lembrar das palavras e frases estrangeiras com mais facilidade” comenta a Dra. Karen M. Ludke, doutoranda do Instituto de Música no Desenvolvimento Humano e Social da Universidade de Edimburgo.

 

 

 

Encontrou algum erro ou gostaria de acrescentar alguma informação importante à este post?! Envie suas sugestões para contato@dublinaquivoueu.com

Aprender Inglês Dormindo

blog_titulo_dormindo

Existe um mito que diz que é mais fácil memorizarmos algumas informações se ouvirmos enquanto estamos dormindo. Pois é… isso não é apenas um mito, é verdade! Uma equipe de pesquisadores da Universidade de Northwestern nos Estados Unidos comprovou que dormir ouvindo explicações sobre o tema da prova que você vai fazer no dia seguinte ajuda a memorizar o aprendizado. Essa técnica pode ser usada por atores para decorarem suas falas e até mesmo no estudo de outros idiomas.

O ideal é que as gravações comecem a ser executadas depois da segunda meia hora de sono mas como nem todos nós possuímos um equipamento onde podemos agendar o início da execução da gravação, então o jeito é deitar bem confortável, desligar a TV, colocar a gravação pra tocar em modo “looping” e relaxar.

Você pode colocar os áudios em mp3 que vem com o livro da sua escola, gravar suas aulas ou até mesmo o áudio de um filme ou seriado. O importante é você ouvir o inglês para que seu subconsciente se acostume com o idioma.

Se você quiser tentar, estou disponibilizando abaixo alguns links com bons áudios em MP3 que encontramos na internet para estudar, seja dormindo ou acordado. :)

 

http://www.talkenglish.com/english-download.aspx

http://freeenglishnow.com/download/#tabletxt

http://www.inglestotal.com/menu-general/cursos-gratis/curso-basico-de-ingles-gratis/

http://www.inglestotal.com/menu-general/cursos-gratis/nivel-pre-intermedio/

http://www.omelhoringles.com/Audio%20-%20MP3.zip

http://www.cursandoingles.net/aulas_ingles.html

 

Ouçam todas as aulas, uma, duas, três ou mais vezes. Quem sabe um dia você acordará falando inglês?! Por que não?

 

 

Encontrou algum erro ou gostaria de acrescentar alguma informação importante à este post?! Envie suas sugestões para contato@dublinaquivoueu.com

Um Bom Motivo Para Vir Pra Dublin

blog_titulo_VITOR

Recentemente, o missionário Vitor Rodrigues deu um show mostrando seu inglês muito bem “dizido” em uma mensagem direcionada aos Estados Unidos da América. Se você ainda está na dúvida se deve ou não fazer um intercâmbio e aprender inglês de uma vez por todas, talvez assistir esse vídeo pode te ajudar a decidir.

Habilite as legendas do Youtube pois as originais do vídeo não fazem muito sentido (rsrs), aumente o volume e deixe essa mensagem de Deus mudar a sua vida!

‘FOR THE TRUSTENG OF THE CHOSEN’

10 Dicas Para Melhorar o Seu Intercâmbio

blog_titulo

Boommm diaaa meus queridos amigos leitores. Como foram as festas?! :)

Primeiramente, gostaria de desejar um excelente 2014 pra todos vocês. Que esse ano seja repleto de conquistas e realizações. Muitas novidades estão por vir no Dublin Aqui Vou Eu e tenho certeza que vamos crescer muito esse ano junto com vocês!

Agora que estamos em um ano novinho em folha e cheio de coisas pra acontecer é comum aparecerem as famosas promessas de ano novo. Em 2014 seremos pessoas melhores, seres humanos que irão ajudar a mudar o mundo. É claro que isso é possível e realmente devemos levar a sério essas nossas promessas, entretanto, além de apenas prometer voltar a malhar, comer coisas saudáveis, ser menos rabugento ou ser mais amigo, que tal prometermos também melhorar o nosso intercâmbio?! :)

Sei que muita gente estará chegando em Dublin esse ano, então já comecem do jeito certo. E pra alguns que estarão indo embora, saiba que sempre é tempo de melhorar. Se você ficou 6 meses ou um ano aqui na Irlanda e acredita que seu inglês não melhorou o suficiente, pare por alguns minutos e pense o quanto você se dedicou a isso. Será que você não poderia ter feito um pouco mais???

Pra ajudar a todos aqueles que querem fazer do intercâmbio uma experiência que realmente tenha um efeito positivo no aprendizado do inglês, o Dublin Aqui Vou Eu separou algumas dicas que podem fazer a diferença.

1- Frequente as aulas: Sabemos que é difícil sair da cama de manhã com esse friozão, mas prometa que em 2014 você fará um esforço a mais, pelo sucesso do seu intercâmbio! Se você não estiver contente com a sua escola, se você acha que os professores são ruins ou o método de ensino é fraco, não desista. Reclame na diretoria da escola, reclame com o seu professor pois você pagou por essas aulas! A escola é um ótimo ambiente pra praticar o inglês e não deve ser deixada de lado.

2- Se relacione mais: Em 2014, faça novos amigos. Se comunique bastante na escola, participe das atividades complementares e crie vários círculos de amizades. Muita gente se afasta das pessoas de outras nacionalidades por medo não conseguir se comunicar, pra você que faz isso, lembre-se sempre que tudo que você está vivendo aqui é um aprendizado e todos nós estamos no mesmo barco.

3- Não se acomode no trabalho: Se você chegou em Dublin e conseguiu um trabalho legal de cleaner que paga o suficiente pra você se manter por aqui, legal. Agora pense que você pode conseguir algo melhor, procure outro trabalho onde você possa se comunicar mais, onde você possa praticar o inglês todos os dias. Assim que você conseguir um novo emprego, indique alguém que acabou de chegar para ocupar a sua vaga.

4- Viva a Irlanda: Não traga a sua vida do Brasil pra cá. Comece uma nova vida aqui e siga em frente. É claro que não podemos jamais nos esquecer dos nossos amigos e familiares que ficaram no Brasil, mas aqui você terá novos desafios para superar e estará por si só. Ninguém que ficou no Brasil poderá te ajudar a melhorar seu inglês, conseguir um trabalho, levar a sério os estudos e tudo mais.  Por isso, aguente firme a saudade, converse com os amigos e parentes nos finais de semana e de segunda a sexta, viva a Irlanda.

5- Frequente os grupos de conversação: Os invés de prometer apenas começar a academia, porque não começar a frequentar os grupos de conversação? É um ótimo ambiente para fazer amigos de outras nacionalidades e com certeza vai te ajudar muito a praticar o inglês. Procure saber se a sua escola oferece essa atividade. Na biblioteca do Shopping ILAC acontece semanalmente um encontro de conversação que você pode participar.

6- Economize para viajar: Faça boas viagens pela Europa. Viajar é a melhor maneira de adquirir novos conhecimentos e nos ajuda muito a crescer. Gaste menos com baladas, festas ou supérfluos e guarde dinheiro pra viajar. Além de conhecer um pouco mais sobre cada país que você irá visitar, a viagem renderá ótimos momentos de lazer e exigirá bastante do seu inglês.

7- Estude em casa: Reserve algumas horas do seu dia para estudar em casa. Você não precisa devorar os livros, apenas repasse o conteúdo aprendido na escola, faça suas tarefas de casa e já tente ficar por dentro da matéria do dia seguinte. Isso exigirá uma ou duas horinhas e com certeza vai fazer diferença.

8- Assista TV: Assistir TV pode te ajudar bastante desde que você esqueça a programação do Brasil e comece a assistir a TV daqui. Muita gente vem pra Irlanda e fica vidrado na novela todos os dias e isso não é nada bom. Como dito anteriormente, viva a Irlanda! Se você não gosta da programação daqui, assista seus filmes e seriados favoritos mas sempre em inglês. Se possível, assista mais de uma vez o mesmo filme ou seriado com e sem legenda. Anote as palavras que você não conhece e pesquise o significado. Muita gente aprende inglês apenas fazendo isso, então com certeza vai te ajudar bastante.

9- Ouça rádio local: Contribua com o combate a pirataria e a memória do seu iPod ou laptop e comece a ouvir rádio. Aqui as rádios possuem uma ótima qualidade de sinal e programação bem variada. Ouça rádio enquanto toma banho, no caminho da escola ou trabalho, na hora de dormir e sempre que tiver um tempinho livre. Mesmo que você ainda não entenda nada do que dizem, isso vai ajudar bastante a treinar os seus ouvidos.

10- Seja independente: Não fique pedindo favores para os seus amigos. Se a sua internet está com problemas, tente resolver. Se você precisa falar com o seu landlord, ligue e faça. Se você quer comprar alguma coisa, vá e compre. Sempre tente mais de uma vez antes de pedir ajuda e nunca peça para fazerem por você. É na hora do sufoco que mais aprendemos e fazer um intercâmbio sem passar sufoco não tem a menor graça. :)

Bom pessoal, espero que aproveitem as dicas e vamos fazer de 2014 um ano de grandes mudanças no nosso intercâmbio. Se você tem alguma dica pra dar, comente aqui em baixo ou envie sua sugestão por e-mail.

 Até a próxima!

Encontrou algum erro ou gostaria de acrescentar alguma informação importante à este post?! Envie suas sugestões para contato@dublinaquivoueu.com